Que seja eterno...



Pois há vezes em que a saudade te mostra como é importante estar perto e sentir.

É importar dizer que gosta, dizer que o sorriso é bonito, que o cheiro é bom e que é maravilhoso estar junto.

Pessoas, algumas, sabe, não dão importância quando alguém abraça.

Não!
Não!
Não!

Não faça isso! Dê importância. O abraço é confortador e acalma as dores.

Mas talvez naquele momento, depois de uma semana longe daqueles que se ama, um encontro é causado por simples impulsividade e você percebe que deseja que aquele momento dure para sempre.

É assim, não é? Eu sei que é.

Eu desejei que parasse.
Que durasse para sempre.
Que eu pudesse dormir e depois acordar do mesmo jeito que dormir.

Cara, não há melhor coisa do que acordar sorrindo sabendo que se você olha pro lado o motivo do seu sorriso está ali. Pertinho. Quietinho. Te admirando. Sorrindo. Dizendo que ama você.

Quem deseja isso vai concordar comigo.

Mas voltando a tudo aquilo lá da primeira frase.

A saudade.
O desejo.
O sorriso.
Aquele abraço.
Aqueles carinhos.
Aquela cama fofa.
Aquela canção.
Aquele cheiro maravilhoso.
Palavras..Palavras e palavras...

 E mesmo depois disso tudo eu cheguei em casa eletrizada. Coração acelerado. Brilho no olhar. Mas com vontade de te ter.

E sorri, me agitei mais e fiquei mais feliz que nunca só de saber que iria conversar com você. Hum...

Só conversar é pouco, mas é melhor do que dormir sem nenhuma palavra.

  Mas de uma coisa eu tenho certeza.
Essa energia irá acontecer de novo, eu sei.

Todos esses carinhos.
Toda essa paz.
Esse desejo forte de ter você.
Todos esses olhares.
Todo esse amor.

Talvez para sempre... Mas que dure quanto Deus quiser.
Pois se ele sabe que eu sou feliz assim ele desejará tudo que nos fizer feliz... Concorda?

E que seja para sempre...

Nenhum comentário

Postar um comentário