Prólogo: Ela...


  Era uma vez um futuro indeciso. Um futuro que estava a ser definido por um dilema. E esse futuro dependia apenas de uma pessoa. Mas vamos falar um pouco dela...
  
  Indecisa ela, e muito. Pensa demais e nunca chega a uma conclusão certa. Esta sempre em cima do muro e quando resolve pender pra um lado tudo sai errado. Então concluímos que esse futuro dela não vai chegar tão cedo.
  
  Mas a história é essa, e começou de uma forma tão inesperada. Foram tudo por palavras de coragem ouvidas por ela e que adentraram seu coração. Mas ela sabe que lá no fundo tudo tinha um propósito.

  
  E ela? Essa pessoa? Ah, é uma futura mulher, menina ainda mesmo com a maior idade. Jeito de bebê, rostinho de criança e atitudes triplas. Bipolaridade alta demais pra imaginar que seja feliz. Mas ela tem um coração grande e um amor maior ainda, isso é verdade e é bom e ruim, pois pode ser isso que esteja deixando-a num dilema pro seu futuro, mas isso é um passo de cada vez. Enquanto isso, ela sorri pra quem a deixa feliz e se cala pra quem a deixa triste.

Nenhum comentário

Postar um comentário