Caminhando...


- Ela vai se deitar todas as noites a pensar no dia que se passou, mas nada tão importante virá em sua mente do que seu sorriso...
Ela vai se lembrar de todas as vezes, no dia, em que você passou e sorriu instantâneamente.
Desejava ela que metade dessas vezes os sorrisos fossem por ela e para ela.
Ela sorri...
Boba....
Uma boba por culpa sua...
Ela chegou e te olhou tão profundamente nos olhos que todo o resto virou resto.
Agora o tudo é você...
E ela deseja que seu tudo seja ela.
Talvez seja... Não é?
Ela percebe os pequenos olhares para ela.
Ela sente o quanto você se esforça, ao olhá-la nos olhos, para não beijá-la.
Você respira, você a aperta e foca em qualquer outra coisa sem importância.
Ela sorri... Ama esse autocontrole seu.
Como ama a sua autoridade e sua maturidade diária.
Ama também a sua felicidade completa que a atrai cada vez mais para o seu lado.
Ela quer fazer parte da sua felicidade.
Ela quer ser feliz.
E parece que o universo levou-a para perto de ti...
Agora, olhe-a nos olhos mais uma vez, só que dessa vez, para a eternidade...


Nenhum comentário

Postar um comentário