Ainda...

Eu sei
Nunca deveria ter te dado esperanças
Nunca deveria ter continuado a ser sua amiga
Mas não consegui.
Me perdoe.
Me perdoe por não fazer você desistir.
Nesse momento
Sou uma alma de tristeza e raiva.
Triste com nós.
Raiva de mim.
Eu deveria ter cortado o mal pela raiz, não deveria?
Deveria ter dito não, fique aí. Não venha atrás de mim.
Mas não o fiz.
Te quis perto.
Eu queria você.
E tive.
Estou com seu coração aqui.
Mas o meu não é seu.
Não ainda...
Nao. Não posso colocar o ainda.
Nem o talvez.
Não posso te prometer.
Eu quero.
Mas não quero.
É complicado.
Mas não quero que sofra.
O problema é...
Eu deveria ter dito adeus
Ao invés de até logo.
Não deveria ter deixado você ficar.
Mas eu deixei.
E estava feliz...
Mas agora meu coração dói.
E eu queria me arrepender de tudo.
Queria.
Mas não consigo.
Queria te cortar agora
Mas ia doer.
Porque tudo cresceu.
Demos flores
E cortá-las
Vai machucar.
Se dermos fruto, eu prometo
Vou amadurecer com você.

Nenhum comentário

Postar um comentário